*

Minha vida,
meus sentimentos,
minha estética,
todas as vibrações
de minha sensibilidade de mulher,
têm, aqui, suas raízes.

Cora Coralina

Algumas alterações

Algumas alterações

(Yohana Sanfer)

"Não sei se viro menina, se viro mulher, se viro todas. Se viro santa, se viro doida. Quem sabe viro onça. Viro a mesa, viro o jogo, viro a página. Quem sabe levo a vida do avesso?! Quem sabe eu viro eu mesma. Mas pode ficar tranquilo. Eu me viro."


quinta-feira, 22 de junho de 2017

Quem conhece não revela aos outros.


Uma pessoa só será feliz com outra se aceita-la como  realmente é, mas o problema é que nem sempre compreendemos a outra pessoa, pois não sabemos como ela  é de verdade, porque não a conhecemos, mas quando isso acontece fica muito mais fácil haver harmonia entre o casal, os homens são mais previsíveis e querem coisas simples, menos complexas, porém com as mulheres não funciona bem assim.
O curso Segredos das Mulheres será uma ferramenta muito útil para que você possa conhecer, entender e compreender as atitudes e pensamentos de uma mulher, descobrindo seus segredos.


Isto aqui não é uma conversa de vendedora apenas para lhe forçar a comprar um produto, mas sim uma tentativa de que mais e mais homens conheçam o universo feminino a partir da cabeça de uma mulher que traiu as outras mulheres quando revelou seus segredos, mas por outro lado isso foi e está sendo ótimo, pois mais e mais mulheres estão sendo conquistadas e felizes porque têm encontrado homens que agora conhecem seus segredos, porém não os revelam, mas fazem com que seus relacionamentos funcionem de verdade e de forma simples, sem complicação nenhuma, só conhecimento.


Não perca mais tempo, veja agora como adquirir esse material que fará total diferença em sua vida!

Seja mais uma pessoa feliz e satisfeita com os resultados obtidos através desse pequeno, porém extraordinário curso de fácil compreensão.
Você ficará surpreendido com a facilidade em mudar sua vida amorosa, apenas conhecendo os Segredos das Mulheres!





Não perca tempo, seja direcionado para o site oficial para a compra.

Por este motivo, compre o curso de maneira segura na sua fonte oficial e tenha acesso vitalício à ele. Toda a intermediação é feita pelo Hotmart, uma empresa do grupo Buscapé.

=> Clique aqui para comprar o curso de maneira segura com garantia de 30 Dias <=

sábado, 17 de junho de 2017

Dislikes.



Não tenho tido muita vontade de escrever desde minha própria cabeça, talvez porque não esteja tendo muito o que dizer da minha parte ou simplesmente por ser conveniente falar em nome de outros. Bom, deixando o desânimo de lado para não me consumir, preciso falar sobre algo que me chamou atenção e me fez querer sair da zona de conforto para confrontar.
Estava a olhar alguns canais de vídeos hoje e me deparei com um vídeo simples, bem comum, sem efeitos, um vídeo caseiro, mas engraçado, então gostei e fui ver alguns comentários e dei de cara com uma sinceridade desnecessária:
- Não dou ''like''! (Era só não dar né). E alguém respondeu ao comentário com a pergunta:
- Porque? E o autor do comentário respondeu:

- Porque eu conheço vocês.
Eu fiquei um tempo olhando ''PORQUE EU CONHEÇO VOCÊS'' e pensando o quanto isso é comum, isso acontece todos os dias, toda hora, mas sem a necessidade de declarar verbalmente que não o fará, mas a razão é a mesma... Porque a pessoa conhece a pessoa que fez a obra. Mas não curte alguém que conhece mesmo gostando do conteúdo, por medo de estar ''pagando pau'' para o conhecido e por outro lado ''paga pau'' para desconhecidos o tempo todo.
Gostam porque outros estão gostando, gostam de textos que são feitos por uns e postado como sendo de outros e nem sabem disso.
Há tempos eu já venho analisando esse comportamento. Observando as razões pelas quais as pessoas gostam de alguma coisa, muitas na verdade não sabem se gostam, simplesmente seguem uma tendência, quero dizer, não tem opinião própria ou não dão valor ou honra a quem faz algo bonito, interessante, inteligente, simplesmente por ser conhecido, por conhecer a vida da pessoa. Eu sou muito observadora e as vezes faço alguns testes neste sentido, pois tenho perfis em  várias redes sociais, tenho apenas uma que é só de pessoas que conheço, amigos de infância, parentes, conhecidos de lugares por onde vivi, trabalhei ou passei algum tempo, as outras que são a maioria de conexões com estranhos (não conheço pessoalmente, alguns nem virtualmente), pessoas que foram conectadas a minha rede aleatoriamente, já imagina qual delas o meu trabalho tem mais valor né? A que não me conhecem, a que só olham meu trabalho, aqueles que não me julgam por isso ou por aquilo, mas olham o trabalho de uma estranha.
O autor não precisa ter má índole, ter um passado negro ou uma vida suja, não é este o caso, basta somente ser conhecido. Geralmente quem te conhece nem para pra ler o que você escreveu,  se lê, não gosta ou não entende, se entende e gosta não se expressa.
-Porque isso?
A resposta é tão simples, porque te conhecem, sabem quem você é, sabem como você vive, sabem o que já fez ou o que faz. Mas ao desconhecido exaltam e nem sabem de quem se trata não querem saber, simplesmente porque conhece você, já é o bastante para não aprovarem o que faz, pois se a pessoa gosta de algo que a outra faz e se manifesta publicamente isto fica marcado, não tem como ser privado, então acham melhor não, melhor não se comprometer.
É ridículo, mas não estou aqui a cobrar likes, muito menos atenção, estou apenas me expressando a partir da ideia de que desde os tempos antigos já era assim, como diz o ditado, santo de casa não faz milagres, a não ser depois de morto. 

sexta-feira, 16 de junho de 2017

Descubra agora.


Mulheres DESAPEGAM mais fácil de homens do que de coisas!
A culpa não é da mulher e sim do homem que não se interessa em DESCOBRIR seus segredos!

Se deseja fazer uma mulher se apegar de verdade, veja isto:

segunda-feira, 29 de maio de 2017

Segredos das mulheres


Em toda minha vida algo que sempre observei foi a forma errada que a maioria dos homens agem em relação as mulheres.
Por diversas vezes fui abordada em redes sociais por homens comprometidos que queriam algum tipo de aventura dizendo que seus relacionamentos não iam bem. Inicialmente eu ficava indignada, por se aproximarem de mim com esta intensão, mas como gosto muito de dialogar e entender o que se passa na cabeça das pessoas, comecei a fazer perguntas a estes homens a respeito de seus relacionamentos e como estavam agindo, então os que tinham desejo de continuar sua vida conjugal, amorosa com suas atuais e insatisfeitas companheiras me davam atenção e seguiam passo a passo o que eu lhes aconselhava.
Simplesmente mostrava a eles onde estavam errando, uma vez que nós mulheres somos todas iguais ou no mínimo bem parecidas, gostamos de ser bem tratadas, só que, com alguns detalhes a mais, então estes conselhos começaram a ter resultados e por diversas vezes consegui ajudar o relacionamento deles e então me agradeciam.
Com o tempo eu comecei a pensar que poderia haver um meio de fazer isso sem ser direcionado a um ou outro caso, mas de maneira geral, não só para os casados ou comprometidos, mas a todos que tem dificuldades de se entender com as mulheres, então encontrei esse produto digital, um pequeno, esclarecedor e excelente curso, exatamente como eu penso e faria, mas a Vanessa fez primeiro.



Descubra os segredos das mulheres que ninguém nunca te contou. Uma mulher vai contar absolutamente tudo que você sempre quis saber sobre relacionamento, cantadas, saídas, papo, sexo, pegada, do que elas gostam, etc. Nele, a autora conta todos os segredos do que as mulheres gostam em um homem e como conquistá-las. Também, tudo que as mulheres de má índole fazem para enganar os homens.

Assista a esse vídeo e mude agora mesmo a sua história de fracasso com as mulheres. É muito mais simples que você imagina.







Imortais virtuais


Se falasse de tudo e não falasse de amor, não adiantaria.
O amor é uma constante busca do ser humano.

Entretanto, não é um assunto que eu domine muito bem, já que amei demais e pelo visto não amei ninguém, talvez seja confuso o que vou dizer, mas bem obvio considerando que estamos em uma época em que não se faz nada sem um computador ou celular, por consequência as redes sociais sempre presentes em nosso dia a dia, escancaradamente tomando nosso tempo e disfarçadamente roubando nossa vida.
Um exemplo ou outro irão contra esta reflexão, mas considerando vários relatos e até mesmo por conhecer o assunto posso dizer que atualmente um grande número de leitores concordam comigo.
Ao invés de amores imortais, temos amores virtuais, alguns acabam antes mesmo de se tornarem reais, outros duram até que aconteça o encontro pessoal, tem aqueles que se fortalecem na realização do encontro e até se desenvolvem por algum tempo, com postagens de fotos, provando algo pra alguns, mas de repente a falta do novo, o vício da busca faz com que o que parecia ser para sempre, seja só até surgir pelo mesmo meio, algo mais interessante, novo, intrigante.
Infelizmente é assim, salvo alguns casos, amor  e redes sociais não se dão muito bem, então tenho a impressão que, relacionamentos não são para postar, são para viver. Porque se não derem certo, ficam só as lembranças nas mentes de quem as viveu, sem ter que apressadamente apagar as bobagens deixadas aqui e ali, feitas empolgadamente em momentos de euforia com juras de amor eterno, quando na verdade nunca foi amor interno, quanto mais eterno.
Simplesmente um amor de internauta.